Arnaldo Jardim assume a Secretaria de Agricultura e Abastecimento


No dia 08 de Janeiro, o deputado federal Arnaldo Jardim assumiu como novo secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. A solenidade de transmissão de cargo ocorreu no Salão Nobre da Pasta, que ficou pequeno diante do público presente.

Marcaram presença o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação e vice-governador, Márcio França, que representou o Governador Geraldo Alckmin; a secretária do Meio Ambiente, Patrícia Iglecias Lemos; o secretário da Casa Civil, Edson Aparecido e o secretário de Energia, João Carlos de Souza Meireles.


Participaram ainda representantes do agronegócio paulista e brasileiro, como o presidente da Datagro, Plínio Nastari; o ex-ministro Roberto Rodrigues; presidentes das Câmaras Setoriais; a presidente da Unica, Elizabeth Farina; o presidente da Abag, Luiz Carlos Corrêa Carvalho; o presidente da ABC – Associação Brasileira dos Criadores, Luis Alberto Moreira Ferreira; o Superintendente de Governo São Paulo, Evaldo Estevão Fabiano Borges; o presidente da Codasp, Jairo de Almeida Machado Júnior.

O Sistema OCB foi representado por Américo Utumi e Júlio Gushiken, ambos da Ocesp; o vice-presidente do UGT e presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Abastecimento, Alemão; o diretor da Fiesp, Mário Sérgio Cutait; o presidente da Fetaesp, Braz Albertini; o presidente da Udop, Antonio Salibe; representantes da Embrapa, da Esalq, representantes Fecomercio e do Crea-SP.

O prefeito de Campinas, Jonas Donizeti foi convidado a discursar em nome todos os prefeitos presentes na cerimônia, também prestigiaram o evento a imprensa do Vale do Ribeira representados pelos jornalistas Júpter Furquim e Daniel Ferreira, além dos deputados federais Roberto Freire, Walter Hioshi, Alex Manente, Mendes Thame e Fausto Pinato deputados federais dos estados do Paraná e do Ceará, Rubens Bueno e Danilo Forte. Entre os estaduais, Barros Munhoz, Davi Zaia, Roberto Morais, Marcos Zerbini, Gilson de Souza, Fernando Cury, Hélio Nishimoto, Campos Machado, Welson Gasparini, Dilador Borges e Vitor Sapienza, além do vereador do município de São Paulo, Andrea Matarazzo.

Prioridades da gestão
Em seu primeiro discurso como Secretário de Agricultura e Abastecimento, Arnaldo Jardim colocou a satisfação de integrar o Governo Geraldo Alckmin, enfatizou a importância da agricultura para o estado, e falou sobre a necessidade de políticas públicas estáveis, de segurança jurídica e de previsibilidade nos parâmetros econômicos, para o pleno desenvolvimento do setor.

“São Paulo é o maior produtor de açúcar e etanol, de borracha natural e de laranja, além de grande produtor de café, madeira de reflorestamento, flores ornamentais, ovos, frutas, frangos e suínos, e ainda tem posição destacada na exportação de carne e genética bovinas”, afirmou o Secretário.

Jardim colocou a sustentabilidade e o setor sucroenergético como prioridades em sua gestão, com a missão de atuar junto ao Governo Federal na proposição de medidas de enfrentamento da crise, como a retomada da Cide, por exemplo. “Esse setor responde hoje por 34% do PIB agrícola de São Paulo, e nós estamos vendo o setor definhar, e todo o entorno desse setor sofrer de uma forma muito grave esta crise”, disse o Secretário.

Além disso, a questão do abastecimento estará entre os destaques. “A Secretaria vai recuperar de uma forma mais acentuada a sua vertente de abastecimento. Nós estamos conversando com o Governador para que programas como o Bom Prato e o Viva Leite, que hoje estão com outros órgãos do Estado, sejam feitos de uma forma integrada com a Secretaria de Agricultura. Nós temos hoje centros de compras, feiras de orgânicos, tudo isso será fortalecido. Então, sobre a vertente alimentação e segurança alimentar haverá uma concentração de esforços aqui da Secretaria”, afirmou.

Sobre a estrutura da SAA, o Secretário falou da importância de repor o quadro de colaboradores e da integração do trabalho. “Nós sabemos que a secretaria perdeu fôlego recentemente, porém já há demanda por novos concursos públicos, tratei disso pessoalmente com o Governador. Vamos buscar melhores condições de trabalho, mas nós vamos cobrar contrapartida. Há muitas vezes uma multiplicidade de esforços e temos que ajustar isso, fazer um esforço para a integração das equipes”.

“Destaco que a Secretaria deve reforçar o cooperativismo e os valores que incluem a participação democrática, a solidariedade, a independência e a autonomia. O Cooperativismo já demonstrou sua capacidade de enfrentar os desafios econômicos, urbanos e rurais brasileiros, com as ferramentas da produtividade, competitividade e responsabilidade social”, afirmou o Secretário.

Related

Notícias 4737269697111875520

Postar um comentário

TV Web TriLivre

Bem Vindo Ouvinte!

Seja bem vindo a Rádio Tribuna Livre, um portal de entretenimento garantido onde você vai poder ouvir as melhores músicas, ficar por dentro das notícias e interagir com a galera mais antenada da rede. Faça seus pedidos, participe das promoções e deixe seu dia muito mais animado com esse som!

Receba As Notícias por E-Mail

Qual seu Estilo?

Tempo em Juquiá

Tempo Juquia
item