Na Páscoa 2017, fabricantes apostam em marcas tradicionais, ovos com caixa de som e volta do chocolate Surpresa

Foto:Reprodução
As fabricantes de chocolate terão um número menor de novidades na Páscoa deste ano. Em tempos de crise, muitas preferiram investir em marcas que são seus carros chefes, como Alpino, da Nestlé, ou Sonho de Valsa, da Lacta. Elas fizeram, no entanto, algumas apostas de lançamentos.

Uma das maiores novidades deste ano é a volta do chocolate Surpresa, que deixou de ser fabricado há 15 anos. A tecnologia também virou “recheio” e algumas fabricantes lançaram ovos com speaker, uma caixa de som que pode ser conectada ao celular por meio de bluetooth, e headphones.
Os ovos de Páscoa estarão nos pontos de venda em março. A Páscoa 2017 será celebrada este ano no dia 16 de abril.

A Nestlé veio este ano com quatro marcas a menos, entre eles os ovos Chokito, Sensação e Lollo, mas fortaleceu as mais fortes, como Prestígio, Kit Kat, Galak e Alpino.

André Laporta, gerente de marketing para a Páscoa, diz que a empresa tentou entender o que o consumidor esperava depois da Páscoa “desafiadora” do ano passado e por isso fez as mudanças. A principal foi a volta do chocolate Surpresa, no ovo de 150 gramas, que vem com um álbum e 10 cards da coleção Dinossauros com a descrição dos animais pelo preço sugerido de R$ 49. Questionado se a empresa pretendia relançar o chocolate que foi um grande sucesso na década de 1980, Laporta diz que a empresa ainda não se decidiu. E alerta que o sabor do chocolate não é o mesmo de 30 anos atrás.

O tradicional Kit Kat desta vez vem com um speaker bluetooth (caixa de som) para ouvir música e atender ao celular. Outra novidade são as latas vintage com ovos ao leite de 170 gramas, por R$ 59.

A Garoto apostou em ovos cuja embalagem já é uma brincadeira para as crianças, como a Fazenda e a Cesta Baton. A primeira vem com coelho e ovo de chocolate e bichinhos de papel para montar. A segunda traz 20 miniovos e patinhas de coelho para fazer caça aos ovos. Há ainda uma lata com 40 miniovos. No caso da Fazenda, o preço sugerido é de menos de R$ 20 para que o consumidor possa presentear pagando um preço mais acessível.

Keila Broedel, gerente de marketing de sazonais, diz que a Garoto aposta em vendas melhores do que em 2016, quando o consumidor estava mais cauteloso, e afirma que a empresa não diminuiu o tamanho dos ovos. Segundo ela, houve apenas algumas mudanças no layout dos ovos para deixá-los com mais “cara de presente”. Os preços da marca variam de R$ 6 (coelho de chocolate) a R$ 49 (Talento de 375 gramas).

A Arcor apostou em ovos de Páscoa com preços mais acessíveis, que vão de R$ 19,90 a R$ 40. Segundo Anderson Freire, gerente de marketing, chocolates, biscoitos e guloseimas, a empresa manteve o mesmo tamanho dos ovos e repassou apenas a inflação para o valor, em torno de 6%. Entre os lançamentos estão ovos com licenciamentos da princesa Moana e dos Simpsons. Outra grande aposta é o ovo Tortuguita que vem com headphone.

Ricardo Reis, gerente de marketing de sazonais da Lacta, diz que neste ano a empresa colocou o chocolate como principal protagonista, com apostas em seus ovos tradicionais como Diamante Negro, Sonho de Valsa, Laka e Oreo, além do lançamento do Bis Oreo. Para as crianças, a Lacta lançou a Caça aos Ovos, e elas podem brincar com a caixa e comer os 14 miniovos.

Segundo Reis, o menor preço sugerido é para o ovinho recheado Sonho de Valsa, com o valor de R$ 10. Já o mais caro é de R$ 70 para o ovo de 743 gramas Grandes Sucessos. Já em relação aos licenciamentos, a Lacta diminuiu de 11 no ano passado para 4 este ano – são Barbie, Batman, Hot Wheels e Ever After High. “Tratou-se de adequação na linha de eficiência e na demanda do consumidor”, diz Reis.

A Ferrero Rocher apostou no layout para chamar a atenção do consumidor. O tradicional bombom com pedaços de avelã veio em formato grande, pesando 125 gramas, em uma embalagem para presente - mas será vendido apenas nas lojas Americanas e Carrefour, ao preço sugerido de R$ 30.
A marca apostou ainda em produtos mais acessíveis para o consumidor, como uma caixa em formato de presente que traz seis bombons e custa R$ 15. O ovo mais caro é o de 365 gramas, a R$ 62,90. O tamanho diminuiu este ano, pois em 2016 tinha 390 gramas, mas o preço sugerido não mudou, diz a empresa.

Já a Kinder Ovo trouxe dois licenciamentos próprios como grande aposta, Reino das Fadas e Velox, com três opções de fadas e vários tipos de carrinhos de corrida para os meninos. Essas coleções estarão em ovos de 150 gramas que custam R$ 56,49 e nos ovinhos de 20 gramas que valem R$ 5,59.

A Kopenhagen continuou sua aposta em ovos com combinações de vários sabores e com brindes sofisticados. Os preços variam de R$ 8,90 a R$ 690. A marca de chocolate premium substituiu o ovo de Páscoa que trazia uma pulseira da Pandora, sucesso de vendas dos últimos dois anos, e que custava em média R$ 480, pelo ovo que vem com um chaveiro exclusivo com os itens clássicos da Kopenhagen, como o café, a Nhá Benta e a letra K, símbolo da marca. O preço sugerido é R$ 389.

Ainda na linha luxo, a empresa trouxe o ovo de 250 gramas com uma nécessaire da grife Le Lis Blanc, que custa R$ 139,90.

Outras novidades são ovos que vêm com óculos de realidade virtual do Mickey e Minnie para a garotada e, para os adultos, um ovo que vem com uma garrafa de cerveja artesanal WälsPetroleum de 375 ml.

O produto mais barato é o ovinho Nhá Benta de 20 gramas, a R$ 8,90. O mais caro é a cesta premium de couro com 2,3 kg de chocolate, reunindo 13 variedades de produtos, por R$ 690.
A Brasil Cacau apostou em ovos de 150 gramas que vêm dentro de cofres que trazem dicas de economia para a criançada, ao preço sugerido de R$ 44,90.

A Cacau Show trouxe entre os lançamentos ovos com speakers em formato de trufa e com headphones, mas para fisgar o consumidor com menor poder aquisitivo apostou na produção de ovos pequenos, miniovos e barrinhas de chocolate, com preços ao redor de R$ 9.

Os preços sugeridos dos produtos variam de R$ 4,90 (pirulito de chocolate de 25 gramas) a R$ 58,90 (trio gourmet com três ovos recheados com brigadeiro, merengue e morango e Romeu e Julieta acompanhados de uma colher). A empresa apostou ainda em licenciamentos próprios para seus brindes como cesta e bola de basquete, maletinha com desenhos de fadas e gorros de pelúcia da coleção Chocomonstros que mexem a orelha e os braços quando se aperta o pé.
Fonte:G1

Related

Notícias 6969270719623209774

Postar um comentário

TV Web TriLivre

Bem Vindo Ouvinte!

Seja bem vindo a Rádio Tribuna Livre, um portal de entretenimento garantido onde você vai poder ouvir as melhores músicas, ficar por dentro das notícias e interagir com a galera mais antenada da rede. Faça seus pedidos, participe das promoções e deixe seu dia muito mais animado com esse som!

Receba As Notícias por E-Mail

Qual seu Estilo?

Tempo em Juquiá

Tempo Juquia
item